segunda-feira, 12 de setembro de 2011

CARPINTEIRO

Um carpinteiro, um homem simples
Apaixonado por uma obra, uma missão
Perdoar meus pecados
Fui constrangido por tanto amor
Ele não se importou com meu estado envergonhado
Cristo simplesmente me amou
Estou apaixonado por Cristo
Estou apaixonado pelo Salvador
Uma missão que era impossível
Meu Jesus realizou
Estou apaixonado por Cristo
Estou apaixonado pelo Salvador
Ele sabia de Sua morte lá na cruz
Mesmo assim não me abandonou
(Por amor)
Com preço de sangue
Comprou-me, lavou-me
Salvou minha vida

Cantora: Aline Barros

2 comentários:

  1. Amo essa música!
    Amo o Senhor :)

    Lindo post!

    ResponderExcluir
  2. Olá Felipe,

    Fazer poesia religiosa, não é fácil.
    Ou se cai no fundamentalismo, ou na mistura de amores.

    Beijos de luz.

    NS: Não entendi muito bem esta poesia, deficiência de alguma parte: minha ou de quem a escreveu.

    ResponderExcluir