quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

O MEDO É UMA PORTA

Uma das coisas que Jesus mais combateu durante o Seu ministério terreno foi o medo. O Senhor sempre alertou as pessoas a não temerem. Ele sabia da capacidade destruidora que o medo tem.
Sem dúvida, o medo é uma porta aberta pela qual o diabo consegue penetrar em nossa vida, mantendo-nos em cativeiro. Todo ou qualquer mal somente recai sobre o cristão se ele teme, porque o medo é a porta que o diabo usa para penetrar em nossa vida: Por que o que eu temia me veio, e o que receava me aconteceu?(Jó 3.25)
Ter medo é o normal na vida daqueles que ainda não nasceram de novo. Aqueles que aceitam Jesus como Salvador tornam-se filhos de Deus, e o diabo não pode mais atormentá-los: Mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca.(1 Jo 5.18b)
O Senhor Jesus libertou-nos do medo; quem O recebe por Senhor não precisa mais temer o inimigo. Se o cristão, contudo, não enche a sua vida com a Palavra, se ele não pauta o seu viver pelo que as Escrituras orientam, ele pode ser facilmente enganado pelo diabo, como o são aqueles que não pertecem à família do Senhor.
A ausência da Bíblia na vida de uma pessoa faz com que ela tenha medo. Somente por meio do entendimento da Palavra, o homem consegue a libertação.
Se você enfrentar alguma situação adversa e sentir medo, ore e determine a sua libertação, ordenando também que o diabo saia com tudo que é dele, A Palavra garante a sua vitória!

Livro: As virtudes do cristão
Autor: R.R Soares
Editora: Graça Editorial

Um comentário:

  1. Olá querido Felipe,

    Como quase sempre, sou eu, que "inicio os trabalhos", ou seja comento a tua postagem primeiro, talvez não queira dizer nada ou queira dizer tudo.

    O texto por ti postado, hoje, nos fala do medo, que o Cristão, e não só, sente ou pode ter.
    Pois, decerto, que quem acredita, verdadeiramente, em Deus e nas suas palavras, nunca receará os problemas, que possam surgir, porque sabe, que Jesus está ao seu lado.

    Por outro lado, temos de pensar no "receio" natural do ser humano, talvez, não por desconhecimento da palavra de Deus, mas por ser da sua própria essência genética.

    RECEIO NÃO É, EXACTAMENTE, O MESMO QUE MEDO.

    São sinónimos, mas receio é um eufemismo de medo.

    O MEDO É UMA PORTA.

    Esta frase pode ter , no mínimo duas interpretações. A porta como qualquer coisa, que está fechada e não permite algo ou alguém entrar, ou a porta nos protege do maligno. Mas haverá, mais interpretações. Depois, me explicas qual a que aqui postaste.

    Beijos de muita ternura e luz.

    ResponderExcluir