domingo, 22 de julho de 2012

TU É O MEU DEUS

Sei que muitas coisas se perderam,
Outros que até já desistiram.
Muitos não têm mais a esperança
De que um novo dia amanheça.
Tu és aquele que enxuga lágrimas
E abre um caminho no deserto.
Tu saras as feridas do teu povo
Trazendo a esperança de um novo amanhecer.
Tu és o meu Deus,
Sempre cuidas de mim
E me cobres de amor.
Tu és o meu Deus,
Nada me faltará,
Só em ti minh'alma descansará.


Eyshila 

Um comentário:

  1. Oi querido Felipe,

    Lindo e verdadeiro poema.
    Deus é a nossa âncora, nosso Porto de Abrigo, nossa Esperança e Salvação.

    Beijos, com ternura, da Luz.

    ResponderExcluir