segunda-feira, 7 de outubro de 2013

O ÚNICO QUE É DIGNO

E disse-me um dos anciãos: Não chores; eis aqui o Leão da tribo de Judá, a Raiz de Davi, que venceu para abrir o livro e desatar os seus sete selos. (Apocalipse 5.5)

O Senhor Jesus, chamado Leão da tribo de Judá, a Raiz de Davi, venceu para nos abrir o livro da vida e lá colocar o nosso nome. Cristo já nos fez reis e sacerdotes para Deus (Ap 1.6) e, por causa dessa obra, não há mais choro nem impossibilidades. Jesus também derrotou o diabo, tomando de suas mãos as chaves da morte e do Inferno (v. 18) e, agora, Ele nos dá essas chaves para que façamos Sua obra em nossos dias.

Os cristãos precisam parar de descrer nas Escrituras e de crer no que alguma pessoa diz. Ora, o que está escrito no Livro Santo é o que interessa, pois tudo o que saiu dos lábios do Mestre há de acontecer. O que o Senhor fala ao seu coração pela leitura, meditação bíblica e pregação da Palavra é o que Ele quer que você faça. Deixar de executar o que o Todo-Poderoso lhe ordena é perder o grande privilégio de ser usado por Ele.

O Senhor é digno para chamar todos os pecadores, pois já levou os pecados deles. Os que desprezam Sua chamada perdem muito. Além disso, aqueles que deixarem de crer no que o Pai lhes manda fazer também deixarão de receber a recompensa que seria dada pelo cumprimento de Sua vontade. Você tem de parar de duvidar! Quando Deus lhe fala algo, Ele está revelando o propósito dEle para sua vida. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário