segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

CURSO FÉ - LIÇÃO 10: CONFISSÃO - APRESENTAÇÃO

A confissão do que cremos pode ser positiva ou negativa. Ambas são necessárias e úteis. A confissão negativa é a que abre a porta para que o Senhor entre em uma vida. A pessoa confessa que é uma pecadora, e que aceita Jesus como Salvador e Senhor de sua vida.

A confissão negativa deve ser usada somente no início da caminhada, em que a pessoa é salva, e depois quando a pessoa escorrega e cai em transgressão ou pecado. A confissão negativa dá ao Senhor condições de perdoar e levantar o penitente,

Já a confissão positiva nunca deve nos abandonar. Em todos os momentos devemos confessar o que somos em Cristo e o que nos pertence nEle. Ela é a autorização que damos ao poder de Deus para que opere a vontade do Senhor em relação a nós.

Tanto a confissão negativa como a positiva têm que estar firmadas na Palavra de Deus. Desprezá-la é o pior erro que alguém pode cometer. Pois, como o Senhor Jesus afirmou: Sem mim nada podeis fazer (Jo 15.5). Ele, o Senhor Jesus é a Palavra de Deus.

Ao confessarmos positivamente o que somos na Palavra de Deus, veremos que a Palavra operará em nosso favor tão eficientemente, quanto operava no ministério pessoal do Filho de Deus. Os mesmos resultados serão colhidos por quem agir do modo como o Senhor Jesus agia.

A vontade de Deus é que O representemos aqui neste mundo, como o Senhor Jesus O representava. Ele quer que passemos a agir como Seus representantes, como o Senhor Jesus O fazia. Esta é a nossa missão.

Oro para que a sua confissão seja, a partir desta lição, um verdadeiro louvor a Deus.

---Continua---

2 comentários:

  1. Bom dia Querido Felipe,

    De novo em leitura e comunhão.
    Tanta coisa eu aprendo aqui, nesse curso.
    Eu sabia, que era a Deus, que nos devíamos confessar (aliás, devo te dizer, que embora católica, nunca me confessei a um padre), mas que havia dois tipos de confissão desconhecia.
    Então a nossa missão é representar Deus na Terra e devemos nos firmar na Sua Palavra, quando nos confessamos.
    É assim, Felipe? Interpretei bem o texto?

    Excelente e feliz dia.

    Beijinhos e abraços de muito carinho e de luz.

    ResponderExcluir
  2. oi amigo bem interessante este estudo
    (Em todos os momentos devemos confessar o que somos em Cristo e o que nos pertence nEle. Ela é a autorização que damos ao poder de Deus para que opere a vontade do Senhor em relação a nós.) to levando minha porção um abraço amigo.

    ResponderExcluir